Me Luna – O copo menstrual à medida de todas

Há já alguns anos que tive vontade de abandonar os tampões e os pensos higiénicos em busca de uma solução mais sustentável, saudável e económica. Sabendo eu da existência de soluções mais inteligentes no mercado, seria uma palermice insistir em algo que sei que gera imenso desperdício e que pode provocar complicações de saúde.

Com isto em vista, comprei um copo menstrual  Silver Care com as características que melhor se adaptavam ao meu corpo e… acabei por nunca o conseguir usar. O copo era muito grande, não abria após a inserção e o rebordo ficou danificado só por ter sido dobrado.

Sabendo que o ponto que falhara se devia à escolha da marca, quando tive conhecimento que a Me Luna iria marcar presença na Health 4 Beauty, não hesitei em me dirigir ao stand mal o localizei. Já conhecia a marca pelo que tinha lido online e atraiu-me particularmente pela versatilidade. Falei com a queridíssima Isabel Girão que confirmou a minha suspeita em relação ao copo anterior: era demasiado grande e com uma dureza inadequada aos meus músculos pélvicos, uma vez que pratico exercício físico regularmente. Comprei um Me Luna tamanho M, sporty, isto é, mais rígido, e com pega em bola.

Relativamente à utilização, em nada se compara com a aterradora primeira experiência com o copo anterior, ainda assim, não foi tão fácil quanto eu havia idealizado.

Copo esterilizado em água a ferver durante alguns minutos e toca a tentar usá-lo. E não é que ele também não abria no lugar? E não acertava com o colo do útero, era sempre ao lado! Três tentativas depois – e um ligeiro sangramento que me assustou – decidi não insistir e tentar mais tarde. Fui ao site do Me Luna, li umas quantas FAQ’s e decidi tentar com uma dobragem nova, em “7”. Posição confortável, copo dobrado e tcharaaaam! Magia! Abriu no sítio e ficou direitinho no lugar. Ainda assim, na vez seguinte em que o tirei para higienizar tive dificuldades em inseri-lo novamente. Mas à terceira ou quarta tentativa o processo já se havia tornado mais intuitivo… Lá acertei com a posição se inserção, colo do útero encaixadinho no lugar e copo a abrir sem grandes dificuldades. Isto dito assim até parece que foi simples, mas nem imaginam o drama, que nem novela mexicana, que se desenrolou nesta cabecinha meia em pânico.

Foi fácil? Não, nadinha. Mesmo, mesmo nada. Valeu a pena. Valeu, e vale sempre a pena quando é para bem da nossa saúde e para salvaguarda do ambiente.

Somos um grupo de divertidas dondocas, reunidas para vos trazer o melhor conteúdo de Lifestyle, um # de cada vez.